23 de out de 2011


Meus traços são todos


mongolóides


e eu gosto

e eu gosto

minhas pernas são tolas tortas


e eu gosto


e eu gosto;


O meu pensamento


é um veloz concorde

e eu gosto


de me have


no heaven


paraíso leve,

me leve!


que eu gosto

de traçar poeira à neve.

E


eu gosto

de rasgar papel moleque

na Terra

Terror Bird

e em mim,

Bobeiramores


me tipifique?

E

EU

GOSTO.

(-)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog